segunda-feira, 10 de outubro de 2011

Descobrindo o sexo!


A última vez que vimos nosso bebê era um feijãosinho, não se diferenciavam as feições do rosto e nem do corpo. Então imaginem meu susto e do meu marido, com 12 semanas de gestação, nos depararmos com essa linda imagem. Eu só conseguia rir e chorar ao mesmo tempo, é uma alegria diferente de tudo que eu já senti. O médico nos indicou um ultrassonografista conhecido por descobrir o sexo bem cedo, a partir das 12 semans. Depois descobri q ele viu os "pipis" dos dois filhos da minha Tia, ela estava com 13 semanas em ambas as gestações.

Ele parecia muito apressado ao entrar na sala, e quando finalmente fomos atendidos, as perninhas estavam cruzadas! Eu já achei que não daria pra ver e perguntei "Vai dar pra ver o sexo?" E tive que rir com a resposta dele... "E a saúde que é bom ninguém pergunta né? rs"

Mas CLARO que era o mais importante, só que nem passava pela minha cabeça que eu ia encontrar algum problema. E graças a Deus não encontrei mesmo.

Bom, seguindo com o exame, ele tirava todas as medidas e etc enquanto nós ficamos só admirando o bebê se mexendo muito e CHUPANDO O DEDINHO. Emocionante!

Continuava de pernas cruzadas, até que ele pediu para eu relaxar a barriga, e deu um empurrão veloz e forte na minha região pélvica. Na mesma hora o bebê esticou as perninhas e tirou o dedinho da boca, colocando as mãos na sua frente como quem se protegia. Fiquei impressionada!

Depois da primeira resposta não me atrevia a perguntar se ele já tinha visto o sexo, e resolvi esperar. Percebi o momento em que ele viu o que era, pois ele perguntou o que nós queríamos. Não tínhamos preferência, e ele perguntou o que achávamos então. Como eu tinha sonhado com um menino, chutei que era um, mas não tinha nenhuma intuição forte. E ele estava prestes a sair pela porta quando soltou as palavras: "É UMA PERERECA!" Fechou a porta e saiu.

Meu marido um pouco extasiado me perguntou "É menina??", enquanto eu abraçava ele e só conseguia chorar de felicidade dizendo que SIM com a cabeça! ^^

Foi só então que descobri que minha preferência era essa, mesmo sem antes ter me dado conta!
É inexplicável o sentimento de mãe que já vamos nutrindo desde essa fase. Não trocaria ouvir que é uma perereca por nada! hahaha

ALICE, MINHA FILHA, NÓS JÁ TE AMAMOS!

Um comentário:

  1. Emocionanteeee!!! sem palavras!!!
    Esse momento deve ser maravilhosoo!!

    ResponderExcluir